Home‎ > ‎Informativos‎ > ‎

Meditação - Tu te preocupas com muitas coisas?

postado em 8 de ago de 2012 14:30 por studioyelwfelicio   [ 12 de ago de 2012 10:16 atualizado‎(s)‎ ]
Frear por vezes nossa corrida atrás das coisas e caminhar devagar para dentro de nós mesmos!
É essa a "simples" lição que a pratica de meditação nos ensina. Nós que andamos agitados demais e nos fadigamos atrás da eficácia, dos resultados, do dinheiro... Interromper, por vezes, a nossa corrida para sentar-nos a sós consigo mesmo. Segurar por alguns momentos o nosso afã de eficiência e de dar prova das nossas habilidades, para nos deter na pura contemplação. Ser capazes de deixar de fazer algo importante, a fim de ter calma para ver algo ainda mais importante. Deixar de avançar por alguns instantes para perceber o rumo da nossa caminhada e decidir se vale a pena continuar. Conceder alguns momentos de liberdade a nosso espírito, que está aprisionando por tantas preocupações, barulho e tarefas. Dizem os cientistas que o ouvido humano não pode suportar ruído acima de 90 decibéis. O mesmo acontece com o nosso espírito que não pode suportar o barulho de tantas tarefas e preocupações, de tanta agitação. O barulho, a agitação, o ativismo nos marginalizam de nós mesmos, nos distanciam do centro de gravidade do nosso ser e do verdadeiro sentido que o Criador desejou incutir na história. Nessa agitação, em que nós vivemos, em vez de corrermos livremente, somos raptados pela força de uma corrente que nos leva para longe de nós. No silêncio nos equilibramos com o plano do Criador.
Por alguns minutos, deixar de agitar-se pelo ter para ter tempo de ser. Ser nós mesmos.
São só alguns minutos hoje, alguns minutos amanhã... e tudo se iluminará com uma luz diferente que brotará de dentro de nós.  
       

Comments